Receba todas as novidades!
Deixe seus dados e receba nossos conteúdos direto no seu e-mail:
Seu e-mail está seguro conosco :)
Escolha por onde quer falar:
6 óleos essenciais incríveis
(que você deveria ter em casa)
Publicado em: 06/10/2019
O universo da aromaterapia é simplesmente incrível. São diversas opções, e com cada uma delas, é possível tratar os mais diferentes sintomas. No entanto, contudo, todavia, porém… há alguns óleos essenciais que simplesmente não podem ser ignorados!

Para te ajudar nessa tarefa, separamos aqui 6 óleos essenciais mais utilizados e que certamente te salvarão em algum momento, se você os tiver ali, ao alcance das suas mãos.

Vamos lá?
1. Óleo essencial de alecrim
É considerado o óleo essencial amigo da memória.
Você sabia que alguns óleos essenciais têm o poder de devolver, acelerar e até mesmo transmutar emoções?

O óleo essencial de alecrim é um deles. Poderoso analgésico e antioxidante, é considerado o óleo essencial amigo da memória.

Se você anda esquecendo onde guardou as chaves de casa, tendo dificuldade para lembrar o nome de algo ou alguém, ou ainda, se andou procurando os óculos sendo que eles estavam justamente na sua cabeça… o óleo essencial de alecrim pode te ajudar!

Estimulante do SNC (Sistema Nervoso Central), o alecrim traz vigor, fortalecimento, restauração, centramento, autoconfiança, estrutura, concentração e foco.

Além de ser benéfico para a pele com lesões, celulite e pediculose, o óleo essencial de alecrim trata, tonifica, cicatriza e reduz a gordura localizada.

Nos cabelos, ele também é incrível, pois fortalece, diminui a oleosidade, combate a caspa e favorece o crescimento dos fios. Também auxilia no tratamento da calvície e alopécia (perda de fios) feminina.

No entanto, grávidas, crianças, epilépticos e hipertensos devem evitar o uso desse óleo essencial. Estímulo é bom, mas na medida certa e para as pessoas certas, ok? Fique sempre de olho nas recomendações!
2. Óleo essencial de lavanda
Dá licença que o óleo essencial mais amado do mundo tá passando pela sua timeline: sim, é ele, o óleo essencial de lavanda!

Considerado um óleo universal, é definitivamente o óleo essencial mais queridinho de todos. Isso porque suas propriedades são incríveis!

Lavanda é um santo remédio se você anda passando noites em claro, se mexendo muito na cama, pensando nos problemas…

Poderoso antisséptico, cicatrizante, analgésico e regenerador celular, o óleo essencial de lavanda ainda tem um poder medicinal relaxante, antidepressivo e calmante. Age contra o estresse, ansiedade, agitação, insônia, medo, depressão, tensão nervosa, pânico, choque… é muita coisa boa, né?

Na pele, pode ser usado para tratar acne, pé-de-atleta, psoríase, dermatite, assaduras, queimaduras e lesões cutâneas no geral. Auxilia no tratamento de cicatrizes e estrias e promove a produção de colágeno. No cabelo é utilizado para combater caspa e eczema, além de fortalecer os fios e auxiliar no crescimento. Ufa! Algo mais?

Ah, sim… embora seja maravilhoso, é preciso ter cuidado: grávidas até o terceiro mês de gestação ou que tiveram aborto espontâneo, devem ter cautela para usar.

Mas fora isso, é só alegria!

"O óleo essencial de lavanda ainda tem um poder medicinal relaxante, antidepressivo e calmante."

3. Óleo essencial de cipreste
Ele melhora a circulação sanguínea e tonifica os capilares sanguíneos.
O universo dos óleos essenciais é tão incrível… são tantas possibilidades! O óleo essencial da vez é o de cipreste.

Cipreste é uma árvore lindíssima, e o óleo essencial extraído dela tem inúmeros benefícios, tanto físicos como psicoemocionais. Olha só…

No corpo, ele é antirreumático, antisséptico, antiespasmódico, antissudorífico, antitóxico, adstringente, diurético hepático, tônico e vasoconstritor. Isso significa que, grosso modo, ele melhora a circulação sanguínea e tonifica os capilares sanguíneos. Tem efeito analgésico, embora leve, e ainda estimula a produção de estrogênio.

Na mente e no emocional, o cipreste é símbolo da morte, e o óleo essencial pode auxiliar muito a ressignificação de processos de luto e mudanças.

Para a estética, ele tem poderoso efeito adstringente e dá a sensação de esticar a pele. Muito usado para diminuir rugas, cicatrizes e linhas de expressão. Atua na diminuição da atividade excessiva das glândulas sebáceas em peles oleosas, inflamadas ou com acne. Ele é usado para remover a oleosidade e dar uma aparência menos brilhante.

Quem diria que caberia tanta coisa boa num vidrinho, hein?

O cuidado aqui é com grávidas e crianças, que devem evitar.
4. Óleo essencial de cedro
Sabe aquela sensação de estar distante demais, focado só em coisa ruim, longe da realidade, meio desconectado de si e do mundo? Pega o óleo essencial de cedro e manda tudo isso pra lá!

Considerado um óleo místico, símbolo de poder e força espiritual, o óleo essencial de cedro, quando utilizado no corpo, alivia dores reumáticas e artrites crônicas, por ser um poderoso anti-inflamatório e analgésico. Indicado para quem está sofrendo de fadiga mental, pois reabastece o foco e a presença. Ele literalmente vai te "trazer de volta". Também auxilia no tratamento da irritabilidade, indecisão, insônia, desconforto e estresse. Traz estrutura e devolve a segurança.

Na pele, é ótimo para tratar alergias, psoríase, dermatites, acne e celulite. Recomendado para peles maduras e com rugas.

Já nos cabelos sua função é promover brilho, força e crescimento dos fios, além de combater a queda e tratar eczema seborréico.

No entanto, siga as nossas recomendações e não utilize em grávidas nem em crianças, ok?

"Reabastece o foco e a presença."

5. Óleo essencial de copaíba
Indicado para pessoas que se sentem vulneráveis em diversas situações e que estão frágeis, destemperadas e indefesas.
A prática da aromaterapia é tão antiga, que, embora ainda não existisse o conceito, os óleos essenciais já eram utilizados para os mais diversos fins…

Os benefícios da Copaíba é sabedoria das antigas. Você sabia que o óleo vegetal de copaíba era usado entre os índios brasileiros quando os portugueses chegaram ao Brasil?

Rodeados pela copaíba, essa árvore divina com mais de 25m de altura, os índios aproveitavam este óleo vegetal e suas ações mais conhecidas para cicatrizar e curar ferimentos.

A tecnologia foi avançando e hoje podemos extrair o óleo essencial (que é diferente do óleo vegetal) da resina da copaíba, através de um processo de destilação a vapor. O óleo essencial de Copaíba possui função anti-inflamatória, cicatrizante, bactericida, antiviral, fungicida e analgésica.

Emocionalmente, é indicado para pessoas que se sentem vulneráveis em diversas situações e que estão frágeis, destemperadas e indefesas. O aroma da copaíba promove estabilidade emocional, proporcionando a sensação de proteção e segurança.

Na pele, ele é um poderoso cuidador das moléstias dérmicas. Eficaz no tratamento da acne, atuando como secativo, anti-inflamatório e bactericida. Indicado para psoríase, herpes, micoses, urticárias, eczemas e também para flacidez e celulite.

Já deu para perceber que ele é incrível, não?
6. Óleo essencial de tea tree (melaleuca)
Hoje é a vez de um óleo essencial bem famosinho! Se duvidar, só perde pra lavanda… hoje é a vez de falar do óleo essencial de tea tree, também conhecido por melaleuca ou árvore do chá.

O tea tree é considerado um antigo remédio aborígine, e vem sendo estudado cientificamente devido às suas propriedades medicinais.

O óleo essencial de tea tree é um poderoso antisséptico, cicatrizante, anti-inflamatório, antiviral, febrífugo e inseticida.

Pode ser usado para cuidados íntimos femininos e masculinos contra candidíase, herpes, infecções vaginais, urinárias e cistite. Sua ação mais relevante é a de estimular o sistema imunológico.

Emocionalmente, o tea tree abre seu coração e diafragma para abraçar e aceitar seus sentimentos e, em seguida, limpar as emoções tóxicas, permitindo que você seja livre e presente em todos os seus relacionamentos. Olha que lindo… não bastasse dar uma levantada no seu sistema, auxiliar o corpo no cuidado íntimo, ele ainda dá uma mãozinha nas suas relações!

Na pele, é muito utilizado em tratamentos de acne, abscessos, manchas, verrugas, feridas infeccionadas, machucados, micoses de unhas, frieiras, furúnculos, picada de insetos, queimaduras, bolhas, pé-de-atleta e, especialmente, no trato de peles oleosas.

E aí, concorda com a nossa lista? Pra você, que outro óleo essencial não pode faltar? Compartilhe com a gente nos comentários!

"O óleo essencial de lavanda ainda tem um poder medicinal relaxante, antidepressivo e calmante."

Curtiu nosso conteúdo?

Compartilhe nas suas redes sociais!
E-book Gratuito!

Deixe seus dados e receba o e-book direto no seu e-mail:
Seu e-mail estará seguro conosco :)

Artigos relacionados

Quer receber as novidades?

Cadastre seu e-mail:

Conheça nossos cursos

Calma lá, não vá ainda!
Tenho uma surpresa para você! Deixe seu contato que vou te enviar um brinde por e-mail!
Seu e-mail está seguro conosco :)